sábado, 27 de maio de 2017

Rotary Clube Caçapava Sentinela completa 25 anos

Foto: Daniel Miranda

Na noite desta sexta-feira, dia 26, o Rotary Clube Caçapava - Sentinela realizou o seu jantar festivo em comemoração aos 25 anos da entidade. O evento foi na sede social da AABB.

O atual Presidente do Rotary, Volnei Freitas, comandou a reunião festiva, que teve a presença de sócios fundadores, os atuais membros do Rotary Caçapava - Sentinela, ex-integrantes da entidade e ex-gorvenadores do Distrito 4780, como Neli Abascal e Lia Pereira. O Governador Assistente do Distrito 4780, José Moacir Almansa, também compareceu na cerimônia e o Presidente do Rotary Clube Caçapava do Sul, Roger Serafim.

Durante o evento, a instituição realizou homenagens de reconhecimento a profissionais da comunidade e sócios fundadores.

Participaram também do evento, o Prefeito Giovani Amestoy, o Presidente do IPE, Otomar Vivian e o Presidente da Câmara, Ricardo Rosso.

Homenagem de Reconhecimento profissional:
Albino Sodré Barbosa
Candida Aires Dantas
Carlos Cassel
Emiliano Adolfo Monego
Jorge Pereira Abdala
Laci Matos Salermo
Luis Eugenio Dias dos Santos
Mario Razzera
Marize Maria Ferreira Machado
Orlando Mazzini da Silva
Otomar Vivian

Amigos do Rotary
Jorge Freitas
Juliano Dorneles

Mérito Rotário
Lia Pereira
Neli Abascal

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Câmara de Vereadores participa de encontro do TCE sobre controle e orientação

A Câmara de Vereadores de Caçapava, representada pelo diretor geral Daniel Miranda e assessor jurídico Pedro Marques Teixeira, participa do 13º ERCO - Encontro Regional de Controle e Orientação do Tribunal de Contas do Estado - realizado em Santa Maria, nesta sexta, dia 26.
O encontro tem a presença do presidente do TCE Marco Peixoto, o deputado Pedro Westhfalen, representando o governador do Estado, prefeitos, vice, presidentes de Câmaras e servidores municipais.
A pauta foi o início de mandato e legislatura. Peixoto falou também sobre a proximidade entre o Tribunal de Contas com as prefeituras e câmaras.

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Grupo de Cavalgada Portal do Pampa poderá ser representante oficial do município

O vereador Mariano Teixera (PP) protocolou um projeto de lei que declara o Grupo de Cavalgada Portal do Pampa represente oficial de Caçapava nas cavalgadas promovidas por outros municípios, por ocasião da busca da chama crioula para as comemorações da semana farroupilha.
Segundo o vereador, o grupo promove Caçapava nas cavalgadas que envolvem outros municípios. Este grupo sempre marca presença nos eventos do calendário oficial e este ano será a 10º vez que irá buscar a Chama Crioula da Semana Farroupilha.
A organização deste grupo de cavalgadas remete ao ano de 1997, quando para homenagear os Negros escravos que foram massacrados no Cerro de Porongos, os representantes do Centro de Tradições Gaúchas Clareira da Mata realizaram a 1ª cavalgada, vinda da cidade de Pinheiro Machado.
Com o decorrer dos anos, a cada nova cavalgada aumentava o número de representantes de outras entidades tradicionalistas de Caçapava do Sul. A centelha da chama crioula foi conduzida da cidade de São Gabriel, onde seguiu para outras cidades: Santa Maria, Encruzilhada do Sul, Canguçu, voltou a são São Gabriel e Aceguá.
Em 2015 na cidade de Aceguá, foi dado o primeiro e grande passo para a concretização de um grupo de cavalgadas. Com dedicação, união e principalmente o amor e a valorização da nossa cultura e tradição esse sonho se tornou realidade. No dia 30 de agosto, na fazenda Cerro Colorado, durante o almoço de confraternização dos cavalarianos, foi realizado a fundação do Grupo Municipal de Cavalgadas Portal do Pampa.
No ano de 2016, o grupo, percorreu 284 km em 14 dias no lombo do cavalo conduzindo a centelha da chama crioula da cidade de Triunfo para a Segunda Capital Farroupilha. Unidos cada vez em honrar nossas raízes e não deixar que o símbolo maior do nosso estado se apague. Para que futuras gerações sigam em frente com esse ideal sempre levando junto o amor a tradição e o legado. Hoje está plantando a semente que futuramente será colhida em nossa sociedade.
“Seus integrantes participam com entusiasmo e orgulho, com sentimento de pertencimento ao ato simbólico que divulga os valores sociais, humanos e de seus objetivos. São pessoas que alimentam a esperança de dias melhores, que valorizam a vida e dela se empoderam cultuando uma vivência guiada pela simplicidade e honestidade, ajuda mútua e cooperação, de modo correto e justo”, justifica Mariano.
Além disso, o vereador destaca que em suas ações e atividades, o grupo valoriza o uso do cavalo como meio de transporte, considerado alternativo para os dias atuais, mas que foi fundamental em outros tempos para o desenvolvimento da região sul.
No percurso das cavalgadas, que já totalizou 1.500 quilômetros, se criaram as amizades e a integração com os diferentes grupos sociais, constituindo-se em momentos educativos de valores, mas também de cuidado do ambiente utilizado e da natureza.

Legislativo de Caçapava lança a campanha do agasalho 2017

A Câmara de Vereadores de Caçapava, através do presidente Ricardo Rosso (PP), lançou uma campanha do agasalho. A “Câmara Solidária” tem como objetivo sensibilizar a comunidade para que num ato de solidariedade ajude a aquecer corações neste inverno.
A campanha inicia na segunda, dia 29 e quem quiser colaborar pode entregar os agasalhos - roupas, calçados e cobertores - nos pontos de arrecadação: Câmara de Vereadores, Rádio Portal e Rádio Caçapava.
No final de junho, o Legislativo irá escolher uma entidade para fazer a entrega das doações. O presidente também entrará em contato com a secretaria de Assistência Social para ver quais são as famílias que vivem em situação de vulnerabilidade e que podem ser beneficiadas.

Reabertura do Hospital Universitário de Bagé é tema de encontro

O presidente do IPE, Otomar Vivian, recebeu, na tarde desta quarta-feira, dia 24, o deputado estadual Luís Augusto Lara. Na ocasião, Lara comentou sobre a reabertura do Hospital Universitário de Bagé e o interesse em retomar o atendimento pelo IPE-Saúde. O deputado comentou ainda sobre a satisfação em ter Otomar Vivian novamente frente à gestão do IPE.
O presidente da Autarquia agradeceu a visita de Lara e já encaminhou internamente a solicitação da reativação do plano assistencial no hospital.

São Sepé firma parceria para a continuidade do IPE Saúde

Na tarde desta quarta-feira (24), o presidente do Instituto de Previdência do Estado, Otomar Vivian, acompanhado do diretor Administrativo-Financeiro, Nilton Donato, receberam o prefeito municipal de São Sepé, Leocarlos Gazzoni Girardello.
Na oportunidade, o prefeito reafirmou a parceria com o Instituto e manifestou interesse na aquisição da área que fica no município e que não está sendo utilizada pelo IPE. O assunto será analisado internamente pela autarquia. Atualmente os servidores da Prefeitura possuem o IPE saúde.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Legislativo irá criar comissão especial para tratar dos problemas do INSS de Caçapava

O vereador Paulo Pereira (PDT) protocolou na sessão de terça, dia 23, um requerimento sugerindo à Câmara a criação de uma comissão para tratar de assuntos referentes a agência do INSS de Caçapava.
“Somos procurados constantemente por pessoas que relatam dificuldade com agendamentos de benefícios como auxílio doença, maternidade e aposentadoria. Além disso, faltam médicos peritos na agência local, o que obriga as pessoas a viajar à Santa Maria ou Cachoeira do Sul”, justifica o vereador.
De acordo com Pereira, já faz quase um ano que os médicos peritos não vêm à Caçapava, causando transtornos para os municípios de Caçapava, Lavras e Santana da Boa Vista.
“Tem ainda outro problema, muitas vezes o primeiro pagamento do segurado é depositado em agências bancárias de Santa Maria, o que gera ainda mais gastos. Só depois de receber o primeiro mês é possível solicitar a transferência para o município de domicílio”, destaca o vereador.

O documento foi aprovado pelos vereadores e a comissão especial deverá ser criada. Os vereadores de Santana e Lavras serão convidados a integrar a comissão e participar de uma audiência com o gerente regional do INSS. 

Vereadores sugerem a criação do estacionamento rotativo gratuito

Na sessão da Câmara de Vereadores desta terça-feira, dia 23, os vereadores Luis Fernando Torres (Boca - PT) e Márcia Gervásio (PDT), entraram com uma indicação ao Poder Executivo solicitando a criação em Caçapava do Sul do estacionamento rotativo gratuito.
Segundo os vereadores, o sistema de estacionamento rotativo gratuito funciona em várias cidades do Rio Grande do Sul, como Teutônia e Esteio, com isso, os parlamentares estão agendando uma visita em uma dessas cidades para saber como funciona a logística deste estacionamento para após repassar a sugestão completa ao executivo.
“ A nossa função nos estamos fazendo, que é buscar uma solução para o trânsito de Caçapava, que está caótico, principalmente no centro da cidade. Como o estacionamento rotativo pago não deu certo e foi suspenso, estamos buscando novas alternativas, mas quem vai executar é a Prefeitura, por isso, que fizemos esta sugestão baseado no exemplo de outras cidades”, disse Boca.

A sugestão dos parlamentares é que o estacionamento rotativo gratuito seja implantado no centro comercial da cidade, durante o período de suspensão da antiga empresa do estacionamento, que será de dois anos.

Medicamentos da Farmácia Pública ainda gera debate no Legislativo

O vereador Mariano Teixeira (PP) recebeu inúmeras reclamações da população devido a falta de medicamentos na Farmácia Municipal.
Durante a sessão de terça, dia 23, na Picada Nossa Senhora das Graças, o assunto novamente esteve em pauta. Segundo o vereador, estão faltando medicamentos de uso contínuo para atender pacientes do Caps, Farmácia Básica da Prefeitura e ESFs.
“A situação é muito preocupante porque pessoas carentes não estão sendo devidamente atendidas. É um transtorno muito grande para os usuários que necessitam dos remédios para garantir a saúde e ter qualidade de vida”, avalia o vereador.
Mariano solicitou informações à prefeitura sobre quais medicamentos são obrigatórios na Farmácia Municipal, quantos destes itens foram licitados e qual a previsão de chegada dos medicamentos que estão em falta.
“Esperamos que o Executivo avance na melhoria do atendimento quanto a esta questão”, concluiu Teixeira.

Em sessão no interior, Câmara aprova seis novas leis e duas emendas

Na noite desta terça-feira, dia 23, a Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul realizou a sua sessão ordinária na localidade da Picada Nossa Senhora das Graças, interior de Caçapava do Sul, no salão da capela, onde foram aprovados cinco projetos de lei do executivo e um do Legislativo.
Apesar do frio e da chuva, a comunidade local compareceu na sessão e o Presidente da Capela, Marcos Nottar, usou a tribuna livre para agradecer aos vereadores pela realização da sessão e fez alguns pedidos, como o recolhimento do lixo doméstico uma vez por semana na região, a abertura do posto de saúde da Picada e também iluminação pública.
No final da tribuna livre, o Presidente da Câmara, Ricardo Rosso, entregou um certificado ao representante da comunidade, como registro oficial da realização da sessão na Picada Nossa Senhora das Graças.
 “Em todas as regiões do interior que a Câmara fazer a sua sessão, vamos entregar um certificado para a comunidade, no qual simboliza a passagem do Poder Legislativo pela região”, disse Rosso.
Na pauta de votação do dia, os vereadores aprovaram os cinco projetos do executivo, o primeiro concede gratificação de 50% no salário dos servidores da Secretaria de Obras que trabalharem no interior durante a semana, incluindo uma emenda da Comissão de Constituição e Justiça que regulamenta a incorporação. O segundo projeto fixou um aumento de 20% no vale refeição dos funcionários da Prefeitura, passando dos atuais R$ 240,00 para R$ 288,00.
Na sequência o Presidente colocou em votação e foi aprovado o projeto que abriu vagas no quadro geral de servidores da Prefeitura para serem chamados do concurso em vigência, 03 agentes comunitários de saúde e 02 dentistas. O quarto projeto debatido e aprovado foi a isenção no pagamento do transporte público dos acompanhantes de deficientes físicos, com uma emenda da CCJ, que regulamenta a fiscalização da Secretaria de Assistência Social.
O quinto e último projeto aprovado do executivo, é uma abertura de crédito no valor de R$ 71 mil, para utilizar os recursos do convênio das obras do novo CRAS do bairro floresta, onde as obras iniciaram em 2015 e com aproximadamente 80% concluída a empresa licitada na época abandonou a construção em 2016, com isso, a Prefeitura pretende fazer uma nova licitação com recursos deste convênio com o Governo Federal.
Já no Legislativo, os vereadores aprovaram uma nova redução para Comissão de educação, saúde e meio ambiente, incluindo neste quesito o desporto.  A sessão durou aproximadamente duas horas e no final os moradores ofereceram um jantar por adesão.
A sessão contou ainda com a presença do Prefeito Giovani Amestoy e o Secretário de Planejamento, Flávio Monteiro

terça-feira, 23 de maio de 2017

Secretaria de Segurança Pública estará em Caçapava no segundo semestre

Na manhã desta terça-feira, dia 23, o Presidente da Câmara, Ricardo Rosso, e o Vice Presidente Marquinho Vivian, estiveram em Porto Alegre para uma audiência com o Diretor da Secretaria de Segurança Pública do Estado, Felipe Pires da Silva.
O motivo do encontro foi solicitar um aumento no efetivo da Brigada Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Susepe para Caçapava do Sul, onde principalmente na Brigada Militar que uma nova turma de soldados está se formando no mês de junho e alguns serão destinado para o interior do RS, incluindo Caçapava do Sul.
Felipe informou também aos vereadores, que já está acertado com o município para o dia 07 de julho,  a presença do Secretário de Segurança Pública do Estado, Cesar Schirmmer, em Caçapava do Sul para debater com as entidades e o Poder Público o Sistema de Segurança Integrada com os Municípios (SIM), além de tratar sobre o efetivo local da Polícia.
Na oportunidade os vereadores farão a entrega ao Secretário da solicitação de transferência da regional da BM, que hoje é Bagé e Santana do Livramento, para a região de Santa Maria.
Durante a reunião, Felipe informou também aos vereadores que já está empenhado para  Caçapava do Sul uma emenda no orçamento da União, no valor de R$ 350 mil, que é da bancada gaúcha, para a compra de equipamentos na área de Segurança Pública.
No final do encontro, o Diretor disse que nos próximos meses a Secretaria irá debater com a comunidade de Caçapava e com o Poder Público, da possibilidade de construção de um presídio regional na cidade, atendendo também Lavras do Sul e Santana da Boa Vista. A construção seria afastada do centro da cidade. Mas este assunto ainda deve ser debatido internamente na Secretaria e com as autoridades de Caçapava do Sul.

O Diretor Administrativo da Secretaria de Agricultura do Estado, Carlos Carvalho, acompanhou os vereadores da reunião.

Vereador tem encontro com relator da Comissão de Segurança Pública da AL

O vereador Alex Vargas (PMDB) participou na última semana de uma audiência com o relator da Comissão de Segurança Pública da Assembléia Legislativa, deputado Vilmar Zanchin (PMDB).
Durante o encontro o vereador solicitou reforço no efetivo da Polícia Civil, Brigada Militar e Susepe de Caçapava.
Zanchin também passou informações sobre os recursos do Estado destinados para o município na área da saúde e prometeu interceder junto ao Governo.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Azeite produzido em Caçapava do Sul recebe homenagem do Governo gaúcho


O governador José Ivo Sartori recebeu nesta segunda-feira (22) a visita dos sócios da Prosperato, Eudes Marchetti e Osmar da Rosa, produtores de oliva em Caçapava do Sul e São Sepé. No fim de abril, a marca arrematou a medalha de ouro para o Brasil no New York International Olive Oil Competition – o mais importante concurso de azeite de oliva do mundo fora da Europa.
Foi a primeira vez que o país conquistou a distinção. A visita no Palácio Piratini foi acompanhada pelo secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação, Ernani Polo, pelo Presidente do Instituto de Previdência do Estado e Ex-Prefeito de Caçapava do Sul, Otomar Vivian, e pelos diretores da Prosperato Rafael Marchetti e Pedro da Rosa.
No ano passado, o Prosperato Exclusivo, produzido com a variedade Koroneiki, recebeu medalha de prata no Domina IOOC – a mais importante disputa do setor, realizada na Itália. 

O Governo do Estado prestou uma homenagem aos diretores da Prosperato, que representaram o Rio Grande do Sul e o Brasil na competição, onde venceram mostrando a qualidade do produto, que é produzido em Caçapava e São Sepé.

domingo, 21 de maio de 2017

Lions Clube promove mais uma edição do Homens na Cozinha

Aconteceu neste domingo, na AABB Comunidade, mais uma edição do Homens na Cozinha, promovido pelo Lions Clube e em benefício da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Caçapava do Sul, que contou com a presença do prefeito Giovani Amestoy.
Na ocasião, o prefeito, o presidente do Legislativo, Ricardo Rosso, diretores de entidades e empresários, prepararam suas especialidades gastronômicas que foram servidas aos mais de duzentos convidados que compraram o convite, cuja renda será revertida à APAE.
Frango à Milanesa, Escondidinho de Carne, Porco com molho barbecue, feijoada, polenta frita, carne de búfala com pinhão, polpetone, cordeiro ao molho de vinho, frango à milanesa, cassoulete, escondidinho de carne, risoto, macarronada, arroz, salada e sobremesas diversas estavam no cardápio.
O evento fazia parte da programação da 27ª edição da Feira do Livro de Caçapava do Sul, que se encerra neste domingo, às 22 horas.

Vereadora solicita parceria para castração de animais em Caçapava

A vereadora Márcia Gervásio entregou a Sandro Charopen Machado, coordenador do Curso de Medicina Veterinária da Faculdade de Itapiranga-SC (FAI) uma solicitação de parceria para a castração de animais em Caçapava do Sul.
O termo foi entregue em Chapecó-SC durante agenda da vereadora como integrante da União Parlamentar do Mercosul (UPM) no início do mês, onde solicita parceria com a isntituição de ensino a fim de realizar cirurgias de castração através de mutirão na cidade de Caçapava do Sul, junto da Ong Clube do Cão, Centro de Bem Estar Animal, Vigilância Sanitária e comunidade e destiando à animais de rua e de famílias carentes.
"A castração de animais é a forma mais eficaz e inteligente de evitar a superpopulação de animais  e de controle da natalidade dos animais do nosso município, além de controle de zoonoses", argumentou a vereadora.

sábado, 20 de maio de 2017

Reportagem Especial sobre o Parque da Fonte do Mato

A Fonte do Mato, lugar que por muito tempo foi referência em abastecimento de água potável para a população, ganhou um novo pano de fundo. É que o entorno do ponto turístico agora dispõe de pista para caminhada, novas travessas, quiosque e um imponente anfiteatro a céu aberto.
Denominado como Parque da Fonte do Mato, o local passa a ser uma nova opção de lazer dos caçapavanos. No entanto, quanto à infraestrutura, muitos ainda reclamam. Uma moradora se queixa da poluição e o mau cheiro da sanga. Ela pede que autoridades não foquem apenas o lado bonito.
A reportagem abaixo mostra depoimentos sobre utilização, sugestões e críticas do parque. Clique e veja como ficou a obra e descubra a lenda dos que bebem da água da Fonte do Mato.


PP de Caçapava do Sul elege novo diretório para o biênio 2017 - 2019

Na manhã deste sábado, dia 20, o Partido Progressista de Caçapava do Sul (PP) realizou a sua convenção municipal, para a escolha do novo diretório e a comissão executiva para o biênio 2017 - 2019. A convenção ocorreu na Câmara de Vereadores.
Na primeira parte da convenção os filiados do Partido elegeram o Diretório, que é composto por aproximadamente 45 nomes. Na sequencia, o próprio Diretório escolheu a Comissão Executiva para os próximos dois anos.
Desta forma, a Executiva Municipal do PP ficou composta da seguinte forma:

Presidente: Ilson Tondo
1º Vice Presidente: Rosane Abdala
2º Vice Presidente: Lucio Moreira
1º Secretário: Ana Denise Tasca
2º Secretário: José Sidnei Menezes
1º Tesoureiro: Daniel Miranda
2º Tesoureiro: Neli Abascal
Vogais: Mariano Teixeira, Ivanói Brito e Ricardo Rosso.

Secretário de Agricultura do Estado participa de reuniões em Caçapava

Na noite desta sexta-feira, dia 19, o Secretário de Agricultura do Estado, Ernani Polo, esteve em Caçapava do sul para uma série de reuniões de trabalho, abordando o trabalho da Agricultura e Pecuária no Estado e na região, bem como os resultados obtidos pelos programas da Secretaria.


O Secretário foi recebido na Câmara de Vereadores, pelo Presidente Ricardo Rosso e os vereadores Zilmar Araújo (Mano), Silvio Tondo e Mariano Teixeira, além de lideranças locais e regionais, como representantes do IRGA, Inspetoria Veterinária e a ACIC. O Presidente do IPE, Otomar Vivian e produtores rurais também participaram do encontro, onde Ernani estava acompanhado do técnicos da Secretaria, como o Caçapavano e Diretor Administrativo, Carlos Carvalho.

O Secretário conversou sobre os programas da Secretaria que estão em andamento e as conquistas alcançadas para Caçapava do Sul. Ernani abordou também ações como Deputado Estadual, principalmente em relação a antena de telefonia móvel nas Minas do Camaquã e o serviço de comunicação para a região das caieiras.


sexta-feira, 19 de maio de 2017

Câmara faz homenagem a Pedro Vanolin Macedo e a SACS na Feira do Livro

Na noite desta sexta-feira, dia 19, a Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul realizou uma sessão solene na 27ª Feira do Livro de Caçapava em homenagem ao coordenador geral da feira, Pedro Vanolin Macedo e à Sociedade Amigos de Caçapava do Sul (Sacs).
Os homenageados prestam relevantes serviços para comunidade. O coordenador da feira assumiu a função de operacionalizar o evento. Também foi um dos organizadores da FarrapoFesta e ajudou a reativar o grupo Amigos da Matriz, com o objetivo de revitalizar a parte externa da igreja.
Já a Sacs, uma entidade de natureza sociocultural, assistencial e recreativa se destaca pela realização de eventos beneficentes, contribuindo com a comunidade de Caçapava.
A sessão foi no salão paroquial, e contou com a presença além dos 11 vereadores, do Prefeito Giovani Amestoy, do Patrono da feira, Paulo Flávio Ledur, entidades de classe e clubes de serviço, além dos Secretários Municipais.

Parceria realiza doação de fraldas e pequenos materiais nas EMEIs

Uma parceria entre as Farmácias Guaritas e o gabinete do Vereador Luis Fernando Torres (Boca PT), começaram nesta semana um trabalho de doação de fraldas, material de higiene e kit de primeiros socorros nas Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEIS).
A iniciativa foi organizada pelo representante das Farmácias Guaritas, Peter Linhares, que junto com o Vereador Luis Fernando fizeram as primeiras entregas, começando pela EMEI Dionéia Soares, na Vila Sul, e a EMEI Eva Saldanha no bairro Santa Rita.
Os idealizadores foram recebidos pelas diretoras das Escolas, onde sacolas de fraldas foram doadas para as crianças, bem como termômetros, material de higiene e também kit de primeiros socorros.
“As Farmácias Guaritas está realizando este trabalho sempre com parceiros, por isso, que é gratificante chegar em uma escola e fazer esta doação tão necessária”, disse Linhares.
“Além de participar desta parceria, em cada visita nas Escolas a gente acompanha a realidade de cada uma e estuda uma maneira de ajudar”, disse Boca.
As outras EMEIs também receberão esta doação.

Câmara analisa projeto de reajuste no vale refeição dos servidores da Prefeitura

A Prefeitura de Caçapava do Sul protocolou nesta quinta-feira, dia 18, na Câmara de Vereadores, um projeto de lei que concede um reajuste de 20% no vale refeição dos servidores municipais da Prefeitura.
O projeto foi entregue ao Presidente da Câmara, Ricardo Rosso, pelo Secretário Geral do município, Nei Tavares, na companhia dos vereadores Paulo Pereira e Márcia Gervásio.
Atualmente o vale refeição dos servidores do executivo é de R$ 240,00 e com a reposição ficará em R$ 288,00.
O projeto está sob análise da Comissão de Constituição e Justiça, que deve dar o seu parecer sobre o projeto e depois encaminhar para votação no plenário.

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Otomar Vivian e Giovani Amestoy tem encontro oficial na sede do IPE

O presidente do IPE, Otomar Vivian, acompanhado dos diretores de Saúde, Alexandre Escobar, de Previdência, Ari Lovera e Administrativo-Financeiro, Nilton Donato, receberam na manhã desta quarta (17), o prefeito de Caçapava do Sul, Giovani Amestoy, e o secretário de Planejamento e Meio Ambiente, Flávio Monteiro.
Amestoy demonstrou interesse no convênio do IPE-Saúde com a prefeitura e parabenizou Otomar pelo retorno à autarquia, “o IPE está em boas mãos, e acreditamos no fortalecimento do plano”, disse o prefeito.
Otomar é natural de Caçapava do Sul e foi prefeito do município em dois mandatos, de 1983 a 1988 e 2013 a 2016. O presidente afirmou que a relação do Instituto com as prefeituras é fundamental para a estabilidade e consolidação do IPE-Saúde.

Shana Nazário
Assessoria de Comunicação do IPE

Evento tradicional da SACS acontece neste final de semana

A diretoria da Sociedade dos Amigos de Caçapava do Sul (SACS) esteve no Gabinete da Presidência do IPE hoje, dia 16, para entregar um convite ao conterrâneo, Otomar Vivian, para o evento "Reencontro". Nos dias 19 e 20 de maio, caçapavanos e amigos que moram na Capital se reunirão, no município, em atividades que contam com programação social, esportiva, cultural e assistencial.
A presidente da SACS, Tânia Franco, em nome de todos que integram a diretoria, lembrou o quanto a presença do presidente do IPE é importante neste reencontro de amigos do município.
Otomar confirmou presença e lembrou que, em 2017, a SACS completa 26 anos. "É uma alegria recebê-los aqui em Porto Alegre. Podem ter certeza que estarei lá para compartilhar estes momentos com amigos", comentou o dirigente.
Mais informações podem ser obtidas na página da SACS.

Técnicos da CRE fazem vistoria em escola para possível implantação de curso técnico

Na manhã desta terça-feira, dia 16, professores e técnicos da 13º Coordenadoria Regional de Educação (CRE), fizeram uma das últimas vistorias na Escola Estadual Antonio José Lopes Jardim, na região do Durasnal, para implantação do curso técnico em Agronegocio no educandário.
O Presidente da Câmara, Ricardo Rosso, esteve no local acompanhando a vistoria e comentou que os técnicos da CRE fizeram várias exigências que já foram resolvidas pela Escola e que agora o processo será finalizado na Coordenadoria e enviado para a Superintendência de Ensino Profissionalizante do Estado (SUEPRO), onde dará o parecer final sobre a implantação do curso.
A vistoria foi realizada pelo professores Fernando Machado e André Luiz Silva da Silva, a interlocutora da SUEPRO, professora Maria de Fátima e a professora Pedagógica da 13º CRE, Diva Mara Pasini Albano. A diretora da escola, Ilzara Cassol, acompanhou a vistoria junto com os seus professores e equipe diretiva.
O corpo docente já está preenchido e a parte estrutural, como refeitório, acervo de livros e outros, também está montado faltando apenas alguns ajustes para finalizar. Com o envio do processo a SUEPRO, a Superintendência irá analisar toda a documentação e a decisão deve ser publicada do Diário Oficial do Estado, mas ainda sem data definida pelo órgão.

“ Estou contente em ter participado deste fato e poder contribuir com o transporte de algum desses fiscais a pedido da Coordenadoria e vou acompanhar agora de perto este processo em Porto Alegre para ser liberado o mais rápido possível. Quero também agradecer o Coordenadoria da 13º CRE, Aristides Costa, por agilizar este processo dentro da Coordenadoria e o trabalho em conjunto com os órgãos de Caçapava do Sul”, disse Ricardo Rosso. 

terça-feira, 16 de maio de 2017

Mais de 22 mil eleitores ainda não fizeram o cadastramento Biométrico

Mais de 22 mil eleitores ainda não fizeram o cadastramento Biométrico, segundo Fábio Guedes de Macedo, diretor do Cartório Eleitoral de Caçapava do Sul. O número é baixo ainda, apesar do prazo do recadastramento, que segue até março de 2018.
Somente em março deste ano, a procura media diária foi de 77 eleitores e no mês de abril a procura foi menor ainda, de 63 eleitores, quando o ideal seria de 105 eleitores dia, considerando os 100% do eleitorado de Caçapava do Sul.
Fábio alerta que “se continuar nessa media baixa, vamos ter longas filas nos últimos dias de recadastramento e pede que não deixem para última hora, evitando assim longas filas”.
O recadastramento biométrico é gratuito e obrigatório a todos os eleitores, inclusive para aqueles cujo voto é facultativo, ou seja, para os analfabetos e para os quem têm 16 e 17 anos ou mais de 70 anos e que desejem votar. Quem não fizer, além de ficar impedido de votar, poderá ter dificuldade em emitir documentos, assumir cargos públicos, entre outros.

Como funciona:
O Cartório Eleitoral faz coleta das digitais, fotografia, da assinatura e revisão dos dados cadastrais do eleitor, que deve comparecer ao local com os seguintes documentos: Carteira de Habilitação ou Identidade, comprovante de residência, CPF e Título Eleitoral.
O eleitor, se preferir, pode agendar seu atendimento pela internet, no site do TRE, escolhendo o dia e hora que deseja ser atendido, sem necessidade de enfrentar filas.

CCJ começa a debater projeto que regulamenta o serviço de táxi em Caçapava

A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara presidida pelos vereadores Silvio Tondo (PP), Márcia Gervásio (PDT) e Marquinho Vivian (PMDB), realizou na manhã desta terça-feira, dia 16, uma reunião com os taxistas da cidade para debater o projeto de lei que regulamenta o serviço em Caçapava.
Foram convidados representantes de todos os pontos de táxi para juntos com a comissão, discutir os pontos que podem ser alterados e outros que podem ser melhorados.
O encontro entre a categoria e o legislativo é necessário para se chegar a um consenso e liberar o projeto para votação.
O vereador Alex Vargas (PMDB), autor do projeto já está em contato com o executivo. A administração também deve ser ouvida pela comissão para que possa contribuir com melhorias no texto.

Entenda o projeto
O projeto de lei proposto pelo vereador Alex, é regulamentado pela Lei Federal número 12.587/2012 e os principais pontos alterados são: vai regulamentar o número de táxis no município de um veículo para cada 825 habitantes. Na legislação anterior era um carro para cada 500 pessoas. Também reserva um percentual de 2% da frota de táxi para acessibilidade, visando atender as pessoas com deficiência física.
A permissão poderá ser pelo prazo de 40 anos. Isso se justifica pelo fato de permitir que o taxista possa contribuir com a Previdência Social em período suficiente para a sua aposentadoria integral.
Aqueles que já são taxistas têm seus direitos resguardados, pois o vereador entende que já trabalharam uma longa data e não devem perder seus direitos. Já para os novos, fica instituído o sistema de licitação.
Essa legislação permite a transferência de permissões e a herança. Quando ocorrer a transferência, esta se dará pelo período restante da permissão original. Se o proprietário prestou serviço durante 25 anos, a transferência será dos 15 anos que faltam.
Ainda sobre a permissão o novo texto estabelece que uma vez transferida, a permissão só poderá ser transferida novamente depois de decorridos cinco anos da anterior.
A herança vai pode ser feita em favor de um único herdeiro, com a condição de que esta pessoa faça um cadastro, apresente um veículo, resida há dois anos no município, ateste bons antecedentes e tenha curso específico para dirigir táxi.

Outra alteração do texto é quanto a padronização dos táxis. Fica determinado que será da cor branca e os demais detalhes da padronização ficam por conta do município.

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Vereador solicita redutor de velocidade no acesso a duas escolas

O Vereador Luis Fernando Torres (Boca PT), entregou na última semana um ofício ao Deputado Estadual  Missionário Volnei (PR) e também no DNIT, pedindo a instalação de um redutor de velocidade na BR 290, no acesso a Escola Municipal Augusto Vitor Costa e da Escola Estadual José Antonio Lopes Jardim, ambas no Durasnal, interior de Caçapava do Sul.
Segundo o vereador, as duas escolas ficam localizadas as margens da BR 290 e no período da safra o trânsito fica muito intenso, causando risco as crianças que precisam atravessar a rodovia no final das aulas. Além disso, sem o redutor os motoristas passam pelo local em alta velocidade.
“ Com a instalação deste redutor de velocidade,  a região ficará mais segura e os motoristas respeitarão o limite de velocidade ao passarem em frente as escolas. Entre as duas instituições, são mais de 400 alunos que estão as margens da BR todos os dias, com isso, tornando a cada dia o local mais perigoso”, disse o Vereador.
A direção da Escola Augusto Vitor Costa enviou um ofício para o gabinete do vereador, onde solicita ajuda nesta demanda dos educandários, relatando a importância  do redutor para a segurança das crianças.

O trânsito de caminhões é enorme também  na região em virtude da unidade da Cotrisul no Durasnal, respaldando ainda mais segundo o parlamentar, a instalação deste redutor.

Aberta a exposição Oficina de História em Quadrinhos de Lislair Marques e alunos

Iniciou nesta segunda-feira, dia 15, no espaço cultural da Câmara de Vereadores a exposição Oficina de História em Quadrinhos, ministrada por Lislair Leão Marques.
A exposição faz parte das atividades culturais, literárias e artísticas da 27º edição da Feira do Livro de Caçapava do Sul. O trabalho é resultado dos produtos da oficina que teve como proposta desenvolver habilidades em desenho e roteiros baseados no monomito “A Jornada do Heroi” de Joseph Campbell.
Participam da mostra os alunos João Guilherme Schumacher e Martin Garcia Mayora.

Os trabalhos ficarão expostos até o dia 19 de maio, data de encerramento da exposição. O horário para visitação do público é o de expediente da Câmara, das 9 às 15 horas.

Vereadores de Santa Maria visitam Centro de Bem Estar Animal

O Vereador Luis Fernando Torres (Boca PT), entregou na última semana um ofício ao Deputado Estadual  Missionário Volnei (PR) e também no DNIT, pedindo a instalação de um redutor de velocidade na BR 290, no acesso a Escola Municipal Augusto Vitor Costa e da Escola Estadual José Antonio Lopes Jardim, ambas no Durasnal, interior de Caçapava do Sul.
Segundo o vereador, as duas escolas ficam localizadas as margens da BR 290 e no período da safra o trânsito fica muito intenso, causando risco as crianças que precisam atravessar a rodovia no final das aulas. Além disso, sem o redutor os motoristas passam pelo local em alta velocidade.
“ Com a instalação deste redutor de velocidade,  a região ficará mais segura e os motoristas respeitarão o limite de velocidade ao passarem em frente as escolas. Entre as duas instituições, são mais de 400 alunos que estão as margens da BR todos os dias, com isso, tornando a cada dia o local mais perigoso”, disse o Vereador.
A direção da Escola Augusto Vitor Costa enviou um ofício para o gabinete do vereador, onde solicita ajuda nesta demanda dos educandários, relatando a importância  do redutor para a segurança das crianças.
O trânsito de caminhões é enorme também  na região em virtude da unidade da Cotrisul no Durasnal, respaldando ainda mais segundo o parlamentar, a instalação deste redutor.

domingo, 14 de maio de 2017

Noite de premiação aos homens que se destacaram em Caçapava

A noite de sábado, 13 de maio, foi especial aos homens que se destacaram na sociedade Caçapavana. A cerimônia de premiação do Prêmio Goldman homenageou 120 categorias.
Centenas de pessoas, entre eles, profissionais liberais, políticos, esportistas e prestadores de serviços, participaram do evento que antes da entrega dos troféus confraternizaram com um jantar para aproximadamente 400 pessoas.
Após o jantar, a cerimônia de entrega iniciou com um vídeo institucional do Prêmio Goldman e a chamada individual de cada um dos vencedores, que foram escolhidos através do voto popular. O evento é organizado e idealizado pelas empresárias Clenia Vargas e Cleia Silvestre.
No final do evento, os convidados e agraciados aproveitaram a noite com um show da banda Inovação Arte & Show.

sábado, 13 de maio de 2017

Clube União Caçapavana elege nova diretoria para o biênio 2017 - 2019

Na noite desta sexta-feira, dia 12, o Clube União Caçapavana elegeu a sua nova diretoria, para o biênio 2017 - 2019.
A entidade reconduziu novamente ao cargo de Presidente, o assciado Luiz Carlos Guglielmin, onde os demais membros da diretoria são: 1° Vice Presidente, Joao Batista Ferreira, 2° Vice Presidente, Luiz Sergio Evangelista, Tesoureiro Nei Goulart Tavares, 2° Tesoureiro Tarcisio Machado, Secretário Marcelo Souza Silva, 2° Secretário Emerson Teixeira Machado, Diretor Social José Eleu da Rosa e Gleinara Leal, Conselho Fiscal- Elton Ragagnin, José Elton Leão e Ilo Saldanha de Souza.
A posse da nova diretoria será no baile de aniversário de 117 anos do Clube União Caçapavana, que acontece no próximo sábado, dia 20 de maio, na sede social da entidade.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Abertura oficial da 27º Feira do Livro é marcada pela posse do Patrono

Na noite desta sexta-feira, dia 12, aconteceu a abertura oficial da 27º Feira do Livro de Caçapava do Sul. O evento está sendo organizado no salão paroquial e vai até o dia 21 de maio, domingo.

A abertura contou com a presença das autoridades locais, como o Prefeito Giovani Amestoy, o Vereador Silvio Tondo, representando a Câmara Municipal, o padre Rudinei Lasch, o Patrono da Feira, o escritor Paulo Flávio Ledur, o Secretário de Cultura e Turismo, Leandro Bazotti, o Coordenador da 13º CRE, Aristides Costa, a Secretária de Educação, Leslié Maica, os festeiros da Festa do Divino, Lucio Moreira e Simone Walter e entidades de classe e clbues de serviço, além dos demais vereadores e Secretários Municipais de outras pastas que não fizeram parte da mesa principal.

A Sexta-feira foi dedicada aos 65 anos da Escola Estadual Nossa Senhora da Assunção a transmissão do cargo de Patrono da Feira, onde José Severo passou o cargo para o escritor Paulo Flávio Ledur.

O Coral Municipal Caçapavano também realizou a sua apresentação tradicional na abertura da feira. No final foi servido o coquetel de início do maior evento cultural de Caçapava do Sul

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Colheita do arroz na região de Caçapava atinge 7.900 kg por hectare

Na manhã desta quinta-feira, dia 11, o responsável pelo escritório regional do IRGA, com sede em Caçapava do Sul, pertencente a 31º Coordenadoria Regional Depressão Central, Alessandro Queiroz, participou de uma reunião com o vereador Silvio Tondo, para apresentar os números da colheita do arroz na região, que engloba Caçapava do Sul, Piratini, Santana da Boa Vista, Lavras do Sul (Leste) e Pinheiro Machado (Leste).
Segundo Alessandro, que estava acompanhado do servidor do IRGA, Adriano Dias, Piratini foi o município com a melhor média do Estado, colhendo 9.672 kg de arroz por hectare. Já a região colheu em média 7.900 kg por hectare.
Os cinco municípios juntos da 31º região cultivam o arroz em 4.320 hectares, no qual em 2017 a média da colheita ficou em 158 sacos por hectare.
“ Nos estamos há dois anos no escritório regional do IRGA e neste período o produção aumentou em mais de 25%”, disse Queiroz.
Já o vereador Silvio Tondo parabenizou a equipe da autarquia pelo trabalho de acompanhamento da produção, mas enfatizou que os resultados podem ser melhores ainda, se o Estado colocar mais um servidor no escritório regional, que hoje está com déficit de pessoal.
“Já solicite a Secretaria de Agricultura do Estado mais um servidor para o escritório regional do IRGA, para melhorar ainda mais os resultados, mas até agora infelizmente não fomos atendidos. Continuaremos tentando para que os números da colheita sejam ainda melhores”, disse Tondo.

O IRGA fará um seminário para apresentar a comunidade os números da colheita 2017, onde a data e o local serão divulgados.

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Reunião busca realização de convênio para fortalecer a Agricultura Familiar

Na última semana, o Vereador Luis Fernando Torres (Boca PT), esteve reunido com o Diretor Administrativo da Secretaria de Agricultura, o Caçapavano Carlos Carvalho, com o objetivo de buscar apoio na realização de convênios no município, para o desenvolvimento da Agricultura Familiar.
A iniciativa pretende fortalecer a Agricultura Familiar, preparando e orientando as famílias que poderão vender seus produtos, já que, conforme a legislação 30% da merenda escolar deve ser adquirido através da Agricultura Familiar.
Solicitamos a Secretaria que colabore com esta iniciativa, para desenvolvermos este programa em Caçapava, que segundo o vereador, é muito importante para o homem do campo, que poderá vender seus produtos.
" A Agricultura Familiar é um programa que ajuda a desenvolver as pequenas propriedades rurais e fortalece a economia, principalmente em municípios como Caçapava do Sul, onde o agronegocio movimenta a economia", disse o Vereador.
O Diretor dará todo o subsídeo necessário para novos convênios e o vereador ficará encarregado de fazer encontro com os produtores para uma orientação de como engreçar na Agricultura Familiar, sendo mais uma fonte de renda para as famílias.

CCJ da Câmara ouve dois Secretários antes de emitir parecer sobre gratificação

Está tramitando na Câmara de Vereadores há 10 dias, um projeto de lei do executivo que concede uma gratificação de 50% no salário básico dos servidores públicos municipais da Secretaria de Obras, que trabalham exclusivamente no interior, somando cerca de 16 funcionários.
O Projeto foi encaminhado para a Comissão de Constituição e Justiça para emitir parecer sobre a matéria. Com isso, os vereadores que compõem a CCJ chamar nesta terça-feira, dia 09, para uma reunião a Secretária da Fazenda, Ioko Mota, porque junto ao projeto tem um parecer da Secretaria da Fazenda contrário a matéria, alegando problemas financeiros e orçamentários.
A Secretária explicou o parecer e disse que a troca de horas extras por esta gratificação vai ter uma economia nos cofres públicos, mas é claro ressaltando que a gratificação incorpora do salário do servidor e a hora extra não, conforme explicou a Secretária, que estava acompanhado do Secretário de Administração José Junior Dias.
Desta forma, nesta quarta-feira, dia 10, a Comissão chamou o Secretário de Obras, Paulo Henriques, que disse que esta gratificação é exclusivamente para os servidores que ficarem a semana toda no interior, sem voltar para a cidade no decorrer da semana e que a fiscalização do trabalho será pelos chefes de turma.
Após ouvir a manifestação dos dois Secretários, a Comissão composta pelos vereadores Silvio Tondo, Marquinho Vivian e Márcia Gervásio, darão o seu parecer sobre a matéria, onde na sequencia será votado no plenário na próxima sessão.
“ A Gratificação para  os funcionários que ficam a semana toda no interior é justa e acredito que o trabalho rende melhor, mas a nossa preocupação é com a fiscalização e com o parecer da Fazenda, por isso, que chamamos as duas pastas para conversar, com isso, acredito que o projeto não terá problemas para passar, mas os vereadores irão fiscalizar esta iniciativa de perto”, ressaltou o Presidente da CCJ Silvio Tondo.

Câmara aprova por unanimidade as contas de 2014 do município de Caçapava

Na sessão da Câmara  desta terça-feira, dia 09,  os vereadores de Caçapava do Sul aprovaram por unanimidade as contas do exercício 2014 do Ex-Prefeito Otomar Vivian, seguindo o parecer favorável do Tribunal de Contas do Estado e da Comissão de Finanças e Orçamento do Legislativo.
As contas do exercício de 2014 do poder executivo de Caçapava do Sul foram aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). O parecer das contas foi emitido pelo TCE no dia 22 de setembro de 2016 e enviado a Câmara de Vereadores para votação final, no qual ocorreu nesta terça-feira.
No documento consta o seguinte: “Parecer Favorável à Aprovação das Contas do Governo dos Administradores do Executivo Municipal de Caçapava do Sul, correspondentes ao ano de 2014, gestão dos senhores Otomar Oleques Vivian e Ilson Tolfo Tondo”.
Também constam alguns apontamentos do Ministério Público, entre eles, referentes a Lei de Acesso a Informação e a inscrição dos restos a pagar, no qual o TCE afirma que teria que ser colocado em dívida fundada, ou seja, histórica, e não nos restos. A defesa do ex-gestor, quanto a estes apontamentos, foi aceita pelo TCE, gerando apenas uma advertência ao atual gestor para futuras correções.
Segundo o relator do processo, as contas foram aprovadas porque os erros apontados em 2014 foram, na opinião do TCE, meramente formais, não causando prejuízos ao erário público nem a administração municipal. Com isso, os conselheiros recomendaram para o Legislativo Municipal, a aprovação da prestação de contas de 2014.
A Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara, composta pelo presidente, o vereador Luis Fernando Torres (Boca); relator, Mariano Teixeira; membro: Alex Vargas e suplente: Márcia Gervásio, aprovaram as contas e emitiram parecer favorável após o relatório feito pelo vereador Mariano Teixeira,  que concordou com o parecer do TCE.

O Tribunal deve ainda enviar para Câmara as contas de 2013, 2015 e 2016, mas ainda sem data para chegar ao Legislativo.

terça-feira, 9 de maio de 2017

Vereador apresenta projeto que regulamenta o serviço de táxi no município

O vereador Alex Vargas (PMDB) protocolou um projeto de lei regulamentando o serviço de táxi em Caçapava. De acordo com o vereador a medida se faz necessária devido a defasagem da legislação vigente.
O projeto de lei proposto pelo vereador Alex, é regulamentado pela Lei Federal número 12.587/2012 e os principais pontos alterados são: vai regulamentar o número de táxis no município de um veículo para cada 825 habitantes. Na legislação anterior era um carro para cada 500 pessoas. Também reserva um percentual de 2% da frota de táxi para acessibilidade, visando atender as pessoas com deficiência física.
A permissão poderá ser pelo prazo de 40 anos. Isso se justifica pelo fato de permitir que o taxista possa contribuir com a Previdência Social em período suficiente para a sua aposentadoria integral.
Aqueles que já são taxistas têm seus direitos resguardados, pois o vereador entende que já trabalharam uma longa data e não devem perder seus direitos. Já para os novos, fica instituído o sistema de licitação.
Essa legislação permite a transferência de permissões e a herança. Quando ocorrer a transferência, esta se dará pelo período restante da permissão original. Se o proprietário prestou serviço durante 25 anos, a transferência será dos 15 anos que faltam.
Ainda sobre a permissão o novo texto estabelece que uma vez transferida, a permissão só poderá ser transferida novamente depois de decorridos cinco anos da anterior.
A herança vai pode ser feita em favor de um único herdeiro, com a condição de que esta pessoa faça um cadastro, apresente um veículo, resida há dois anos no município, ateste bons antecedentes e tenha curso específico para dirigir táxi.
Outra alteração do texto é quanto a padronização dos táxis. Fica determinado que será da cor branca e os demais detalhes da padronização ficam por conta do município.
O projeto deve entrar em discussão na sessão desta terça-feira, dia 09 e será direcionado para as comissões, sem data para votação.
A partir de quarta-feira, dia 10, as pessoas podem ter acesso ao projeto na integra, através do link Processo Legislativo, no site oficial da Câmara de Vereadores, www.camaracacapava.rs.gov.br.

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Presidente do IPE faz primeira visita oficial ao Legislativo e Executivo de Caçapava

Na manhã desta segunda-feira, dia 08, o novo Presidente do IPERGS, o Caçapavano Otomar Vivian, realizou a primeira visita oficial ao Poder Executivo e Legislativo de Caçapava do Sul.
Segundo Vivian, como Ex-Prefeito e representante do município no Governo do Estado, a primeira agenda externa como Presidente do IPE seria na sua terra Natal, para colocar a autarquia a disposição dos Poderes constituídos de Caçapava do Sul.
A primeira agenda foi na Câmara de Vereadores, onde foi recepcionado pelo Presidente do Legislativo, Ricardo Rosso (PP) e os demais vereadores, que conversaram por aproximadamente 1h. A pauta principal do encontro é o estudo que os técnicos do IPE farão no Legislativo para disponibilizar o plano de saúde aos servidores e vereadores.
Já na Prefeitura, Vivian foi recebido pelo Prefeito Giovani Amestoy (PDT) e os Secretários de Administração, José Junior Dias, da Fazenda, Ioko Mota, da Assistência Social, Maria Teresa Macedo e da Cultura e Turismo, Leandro Bazotti.
Na Prefeitura, o tema principal da reunião também foi o estudo para colocação do IPE Saúde a disposição dos servidores do Executivo, através de um pedido do Prefeito Giovani.
De acordo com o Presidente do IPE, ainda este mês ele fará uma reunião com sua diretoria para após pedir a aprovação do Governador José Ivo Sartori, no qual pretende criar uma carteira no IPE Saúde exclusiva para as Câmaras de Vereadores e Prefeituras, com isso, aumentando o número de contribuintes e tornando a contribuição do usuário acessível. “ Lembrando que o IPE Saúde é um plano opcional, ou seja, só adere ao plano quem quiser, sem a obrigatoriedade da contribuição como é a previdência”, disse Otomar.
“ Nós vamos fazer essas mudanças e o estudo no Legislativo e Executivo para após apresentar aos servidores, no qual serão os próprios funcionários que vão decidir se querem ou não o plano, mas o estudo vamos fazer a pedido do Prefeito e do Presidente da Câmara”, comentou.

Nas reuniões foram abordados também temas internos da Câmara e da Prefeitura e o atual cenário econômico e político do Estado e do Brasil, principalmente com as reformas políticas e da Previdência, que estão tramitando no Congresso.

Protocolado projeto que cria o Programa Municipal de Controle do Mormo

O vereador Mariano Teixeira (PP) protocolou um Projeto de Lei, que trata sobre a implantação do Programa Municipal de Controle do Mormo e Anemia Infecciosa Equina. A iniciativa colabora para a realização do exame obrigatório para o controle das doenças e expedição da Guia de Transporte Animal (GTA).
Com esta ação, além de apoiar os proprietários de eqüídeos (cavalos, mulas e burros) com a gratuidade da coleta do material para realização dos exames, Mariano pretende contribuir para a manutenção do status sanitário do município.
De acordo com o projeto, para o criador haverá redução no valor gasto com o transporte até o laboratório e ainda um profissional do município para fazer a coleta. Esse serviço não irá onerar os cofres públicos, pois a prefeitura já possui veículos e veterinários para a ação. E também auxiliará no aspecto sanitário das propriedades, possibilitando uma maior participação em eventos com aglomerações de animais.
“Cabe destacar que município possui uma forte tradição cultural voltada as nossas raízes, como rodeios entre outros eventos, onde o cavalo é item fundamental, tais eventos são uma das poucas atividades saudáveis ao dispor dos jovens, visto que gera um ambiente sustentável, harmônico, totalmente familiar, merecendo atenção por parte do Poder Público” afirma Teixeira.

domingo, 7 de maio de 2017

Retomada da Mineração em Minas do Camaquã é destaque na Zero Hora

Matéria publicada em Zero Hora no dia 05 de maio de 2017
Há pouco mais de 20 anos, a comunidade de Minas do Camaquã, distrito de Caçapava do Sul, viu a exploração do minério de cobre estancar e a bonança se transformar em esquecimento. A vila, antes próspera por conta da mineração, virou quase uma comunidade fantasma, não fossem algumas famílias de mineiros aposentados da Companhia Brasileira do Cobre (CBC).
De lá para cá, os moradores têm vivido a expectativa de um futuro almejado sob diversas bandeiras, do turismo à própria retomada da extração de minérios. A região, encravada no chamado Escudo Sul-Rio-Grandense, voltou a ser alvo de pesquisas no setor por ainda ter grande potencial de exploração de metais preciosos, incluindo ouro, foco de estudos em andamento na cidade vizinha de Lavras do Sul.Nesse cenário, avançou um projeto da Votorantim Metais para exploração de zinco, cobre e chumbo no Passo do Cação, localidade a cerca de cinco quilômetros de Minas do Camaquã. As pretensões da empresa levantaram polêmica envolvendo pelo menos oito municípios da Bacia do Rio Camaquã, o principal curso d'água na região. A companhia faz pesquisas no local há quase 10 anos e confirmou a viabilidade econômica da extração dos três metais e de prata como subproduto. A previsão é de começar as atividades em 2019. 
A produção de cobre e chumbo será exportada pelo porto de Rio Grande. O zinco será levado para as metalúrgicas da Votorantim Metais nas cidades mineiras de Juiz de Fora e Três Marias. O estudo e relatório de impacto ambiental (EIA-Rima) do projeto foi encaminhado à Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) e, contraditoriamente, serviu de munição a quem desconfia das ambições da Votorantim na área. 
Um dos pontos questionados por aqueles que não veem a mineração como caminho socioeconômico sustentável é a possibilidade de contaminação de mananciais e do solo pelo manuseio do chumbo extraído. Junto à preocupação ambiental, está a questão econômica da região, boa parte dela baseada na agricultura e na pecuária, especialmente na criação de ovinos. 
Já existe um arranjo produtivo local em que cerca de 500 famílias de Caçapava do Sul, Lavras do Sul, Piratini, Bagé, Pinheiro Machado, Canguçu, Encruzilhada do Sul e Santana da Boa Vista se mantêm em atividades como a produção de carne de ovelha. Trata-se de, resumidamente, um grupo de empresas e produtores de diversos setores que traça estratégia conjunta de desenvolvimento para determinado local.
Na região de Caçapava do Sul, a aposta é na criação de ovinos e no turismo. Esse processo econômico se organizou na Associação para o Desenvolvimento Sustentável do Alto Camaquã, que congrega 24 associações de base comunitária, distribuídas nesses oito municípios.
Ainda que reconheça que a mineração sempre oferece riscos, a Votorantim Metais promete medidas de segurança reconhecidas internacionalmente no projeto que pretende levar adiante no distrito de Caçapava do Sul. 
– Não tem produção de metal no projeto. A extração nada mais é do que separar o mineral, que já está ali, do rejeito. Não teremos metalurgia no processo – explica o coordenador do projeto, Paul Cézanne, engenheiro de minas da Votorantim formado pela UFRGS.
Lideranças comunitárias entendem que o simples fato de haver uma mina de chumbo próxima aos campos de produção já gera desconfiança.
– Não se trata só de um apelo ecológico. Como vamos misturar produção de alimentos com chumbo? – questiona o gestor do arranjo produtivo local, Marcos Sanchez Blanco.
Por: Bruna Porciúncula - Zero Hora